domingo, 26 de setembro de 2010

Aquarela


Queria dormir como uma criança.
Não acho que seja essa noite.
Quero fazer amor.
É a primeira vez que amo alguém dessa maneira.
As coisas se deterioram com o tempo,
a amizade também,
como tudo...
depois lamentamos não ter feito.
Você é tudo para mim.
Mesmo sem ser mútuo,

poderia se esforçar.
É isso que peço...
Se está acordado não me diga.
Vire-se para mim.
Farei seu coração bater junto do meu.
É tudo...

Por favor, acorde!


Este post na verdade não é um poema, trata-se de uma trecho do filme Watercolors (vão ter que assistir para saberam com é a cena, rsrsrsr). Por que resolvi postá-lo aqui? Porque diz simplesmente mais coisas do que eu poderia dizer... principalmente esta noite...