domingo, 31 de janeiro de 2010

Shiiiiiiiiiii!!!!!!


SHHHHHHIIIIIII!!!!!!


Meu coração dorme. Cansado, fustigado, dilacerado em processo de regeneração. Quando partiu nesta batalha se dizia preparado, incapaz de se render aos mais sórdidos impulsos que poderia encontrar pelo caminho. Deixou de lado a armadura de ferro que o manteve isolado do mundo, botou um sorriso na cara e deixou que sua pele exalasse o perfume de quem deseja.
Mas teve aquela noite que morreu num bjo;
teve o olhar desnorteado da traição no próximo segundo;
teve as palavras mais doces que escorreram amargas na boca de um outro qualquer;
teve o silêncio perdido numa ilusão sem volta...



...Por isso agora ele descansa para seguir a sina de seu nome e retornar ...



NASCIDO DE NOVO

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

No escuro


Há um escuro em minha mente que não quer passar. Lembranças de um passado
perdido,
violentado,
marcado... atos que não imaginaria acontecer.
Era só uma inocência que veio do fundo da minha alma e me jogou num abismo de quase não ter fim.
Máscaras foram forjadas a ferro e sangue,
desejos trancados no fundo de um porão úmido de lágrimas por ter medo de lutar.
Agora vejo apenas a escuridão do meu quarto se abrir em dores que me despertam um instinto de não querer mais amar.
Poemas que sobram sobre a cabeceira de uma cama vazia,
lar desfeito na cegueria de não querer aceitar,
e mais um dia vou caminhar sozinho por ruas que não sei onde vão dar, pq há um passado escuro em minha mente que sei...


...nunca vai passar.

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Num canto escuro...



No canto escuro do meu quarto deixo vc ficar.
Quieto...
silencioso...
imperceptível pela manhã,
mas ali te tenho a noite toda
a me prover com delírios,
prazeres
e ilusões.
Há um espaço tranquilo
que não pode ser mexido quando o dia acontece.
Há um desalento humano
que chora a cada minuto de solidão.
Mas há tbm aqueles momentos felizes
em que os sonhos tomam sua forma mais pura e encontra um lugar acolhedor para se proteger da dor.



Então assim, deixo o escuro canto de meu quarto só para vc poder ficar para sempre em meu coração.

domingo, 3 de janeiro de 2010

Untitle #14


As sombras que cruzam o meu espaço me lembram o quanto ainda busco por este amor recolhido. Escondi ele no fundo de um armario em busca de sentimentos que não doam tanto quando penso em vc. Só bastava um toque, um olhar, uma palavra qq para me dizer o que os sonhos vem me revelar no meio da noite quando febril acordo em devaneios por crer que vc poderia estar ali. Mas não, vc foi dormir em outros campos longe deste espaço delimitado chamado: minha cama. Então brinco com as sombras que formam sua imagem sobre meu lençol...



... pelo menos, com elas, posso sonhar que tenho vc.

Primeiro post do ano de 2010. Tá bom, sei que vc ta vendo e num tem nada a ver isso, mas tdo bem...