segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Intenso


Intenso seria se eu dissesse que te amo, mas não, acabou no segundo após o ultimo beijo. Talvez eu tivesse te matado dentro de mim, quem sabe até fingido que nada aconteceu... E num segundo sem volta vi seu rosto distanciar num sorriso gélido de quem parte sem dizer adeus. Foi ai que entendi o que meu coração insiste em não acreditar...


....que um dia te amei, ....



...intenso como o segundo após o ultimo beijo.


Este poema é em homenagem a unica vez que eu senti que existia o amor exatamente a um ano atras.

7 comentários:

Luiza disse...

O coração deveria ter um botãozinho para desligar esse tipo de sentimento, não desligar o amor, mas a dor que nos causa qdo não correspondido esse amor, ele vai embora...e como fica?
Coração é fogo, não obedece...
Bjs Renato, fica com Deus.

Renato disse...

Oi Luiza!
Olha para te ser sincero eu queria era esse outro botaozinho que desliga o amor mesmo. rsrsrsrsrrsrs

Enfim....

Um grande bjo e obrigado pelo carinho

Beta disse...

Oi!
Td bem???

Demoramos um bom tempo para conquistar as pessoas , mas basta que algo aconteça para que nosso ponto seguro desapareça!!
Admiro as pessoas que conseguem desligar, eu em particular sou o caos para fechar uma porta e me desligar!!
Coração é teimoso !!
Apenas nao se desligue do seu amor proprio!!!ok?

Bjos e bom fim de semana

Renato disse...

Beta Minha Querida!
Qu bom te ver por aqui é uma honra muito grande para mim.

Olha, num sei se realemnte eu consigo tão fácil assim me desligar ou apenas tento me convencer que isso está acontecendo, para diminuir um pouco a dor de não ter a pessoa amada.

Um grande bjo!

Beta disse...

Oi kerido
Obrigada pela recepção
Sei que não é fácil, confia eu sei....
Mas existem momentos que é preciso tomar uma postura:
Continuar parado no tempo e sofrendo ou seguir em frente msm que as feridas estejam ainda abertas? qm sabe assim a dor nao cessa!!!!
!É um risco, mas o q vc tem mais a perder ? nada !!
Entao levante a cabeça!!!!
Beijos !

Renato disse...

Oi Beta!
Concordo com que vc disse minha querida, por mais dolorido que seja não podemos parar nunca, por isso mesmo que tenho este blog pois é o jeito que achei de continuar.

Adorei ver vc aqui de novo!
Bjos!

Beta disse...

Hummm....
Gostei daki... rs
Sabe livro de cabeceira? eu tenho blogs que leio sempre antes de dormir e o seu tá se tornando 1 parada obrigatória!!!
Entendo vc!!!!
Sua valvula é aki no canto escuro !!

Adoraria ver um comentário seu lá no meu blog, mesmo q não seja tão sombrio e tão aconchegante qt esse
!!!
Beijos ♥