segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Menino...


Um dia, ainda menino, sentiu que o mundo ao seu redor ainda poderia ser maior que os sonhos que se debruçavam sobre a cabeceira de sua cama, a noite, antes de dormir. Menino encantado com os dias ensolarados de primavera que corria sem medo, na inocência pura da brisa que tocava seu rosto. Mas que um dia ousou brincar com sentimentos descontraidos e...






...se queimou de tanto imaginar como seria viver o amor.

8 comentários:

Clarinhaaa disse...

Quando menina...
ela só pensava em trocar a roupa da boneca, colocar os ursinhos para dormir e fazer tranças nos cabelos.
Mais tarde, descobriu o batom e o soutien..
e nessa fase, os meninos se tornam interessantes...

mas esse sentimento é tão bom.. frio na barriga, mãos suando... e aquela expectativa.. não é?
Se vão se queimar ou não, só mais tarde que saberemos..
mas nada que se cure depois!!

beijos da ferida avermelhada!
Põe um gelinho que disfarça a dor, tá?

Luiza disse...

Devendo visita...hummm, mas volto com certeza!!
Bjs

Gil Costa. disse...

Amor...sempre provocando "queimaduras"....

Beijo moço.

Luiza disse...

Será que o menino sabia o que era "ousar", acredito que não, era inocente e não até no sentir a brisa, fora inocentetbm ao imaginar como viver o amor... todos que amam correm o risco de se queimar, mesmo que só na imaginação...ah esse amor!!
Que bom poder estar aqui novamente e ter vc para escrever, bom demais!!
Bjs

cristiane machado disse...

Normalmente nossos sonhos vão mais além do que nossos corações.
Parabéns.
Tem selo pra tu no meu blog.

Moni disse...

O amor é assim...
Queima arde
é sofredor
Esprançozo
Conservador
Apaixonado
Insistente
È tudo no mesmo intante
So quem o reconhece entende.

tem selo pra vc la nomeu blog]

bjos

ivone fonseca disse...

Ele era só um menino... o mundo as vezes é grd demais para comportar nossos sonhos e ilusões... este mundo q vai e vem como as ondas do mar... cheio de amor.. amor q arde e queima.


te amuuuuu

Minha cia da madruga (rs)

Anônimo disse...

ler todo o blog, muito bom