quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Movimentos


Tudo parece a mesma coisa... um repetir de dias em sucessivas noites de solidão. Paro diante de uma rua aonde o movimento dos carros vem me mostrar o quão longe ainda estou daquele lugar confortável que eu escolhi para estar com vc. Caminho sem um lugar para chegar e em busca do seu olhar me perco em lábios que não são os seus. Os dias seguem iguais, queimando a cada instante em outros olhares que não me reconheço. Queria aquela canção que escolhemos para tocar na tv, que ligada ficava por toda a noite a iluminar nossos corpos em ardente sensação de prazer. Se por acaso algum momento resolver que estar por aqui venha me dizer o que sempre foi nosso amor. Mas tudo não deixa de ser a mesma coisa... um sonho a mais a me consumir em noites de sucessiva solidão... a busca incansável de um olhar que um dia me fez perder nessas ruas de movimento desigual.

6 comentários:

Novembro_ disse...

Ah! Nobre solidão... Angustia de todo o ser humano.

-- Gostei do blog, espero vir mais vezes aqui. Um beijo e ótima noite.

Clarinhaaa disse...

Mas posso falar????

o seu dia pode ter sido assim... carros foram... vieram... e o tal olhar não!!

Mas, porém, contudo, todavia, entretando (rs)... vc escreveu tudo isso num colorido lindo!!!!!

reparou!?!?!
ahhhhhhh... adorei entrar aqui e ver esse arco-iris!!!! mesmo mesmo, de verdade!!!!

jpa valeu!

bjs renatooo! =)

Luiza disse...

Renato, queria poder te oferecer mais um daquele dia diferente que te ofereci um dia desses (ta certo que foi virtual, mas me diverti), mas acho que não é o melhor momento, talvez pelo tipo de solidão que está.
Vc disse que pr mim que está a procura de novos ares, não pare de tentar encontrá-los, pois vai ser com eles que essa solidão será banida dos seus dias e noites.
Lembra que ficou afastado pois estava sem inspiração? Pois é, agora etá aqui nos presenteando com seus posts, isso já é um grande passo, pode acreditar.
Fica bem e qdo quiser passearemos virtualmente de novo, com peteca e tudo...adorei!!
Bjs com mito carinho!!

idars disse...

"Tudo "parece" a mesma coisa"

Amigo querido, é admiravel sua forca, vc diz sobre a busca incansavel, sonhos....mas sinto tbm que nao fica sentado esperando nada se resolver, nao perde a esperanca acredita que chegara onde quer e deseja, esta frase acima confirma o que digo..se nao existisse esperanca vc nao colocaria "parece".
O caminho pode ser longo, mas esta a cada dia mais curto.
Bjo gde meu querido

denisd disse...

Os sonho nunca morrem, never! Ao menos temos este direito...
É bom saber que você não parou!

Abraço!

ivone fonseca disse...

Ai o amor.. dolorido e soberbo, as vezes nos traz luz e sossego outrora nos atira desarmados a solidão. O fato é q não vivemos sem ele e qdo unidos a ele corremos o risco de viver algumas decepções..


bj bj bj