segunda-feira, 22 de junho de 2009

Solidão ensolarada



O que o diria o sol quando ver que minha cama vazia esteve ocupada por uma noite?
Será que vai rir da minha felicidade ou vai se esconder atrás de uma nuvem, bravo por te-lo abandonado?
Decerto vai correndo questionar a noite em como tudo foi possível acontecer.
Tomara que a lua lhe diga que teve o prazer de mais uma vez iluminar um amor.
Assim, voltará a se esconder entre as montanhas, sem saber que uma noite de amor apenas não é capaz de acabar com essa solidão ensolarada.

10 comentários:

Luiza disse...

Talvez apenas uma noite de amor não acabe com a solidão, mas...

Desculpe vou ter que voltar depois para comentar, é lindo demais para ser comentado sem inspiração...eu volto!!

Renato disse...

rsrsrsrsrsrsrsrsrrsrrrrs
Ai Luiza só vc mesmo, já me sinto feliz só de saber que vc esteve por aqui, mas agora que vc me atiçou vou aguardar o coment.
Bjos!

Erick H Benetnasch disse...

eU já senti isso uma hora mais cedo...Dificilll
É triste amigo..... Há tanta gente no mundo, mas mesmo assim ainda estamos muito sozinhos...Complicado.Talvez seja da natureza humana...

Emmanuel disse...

solidão ensolarada...

:)

Luiza disse...

A história do sol e da lua é muito triste, a solidão entre eles é tanta que acredito que a lua por ser tão delicada e carregar a dor do amor impossível, vai sim dizer o prazer q sentiu em iluminar essa noite de amor, mesmo que seja só por uma noite, e que essa não baste para acabar com a solidão que o sol insiste em iluminar. E por sofrer tbm, ele se esconderá sem questionar...

Bjs!!

Renato disse...

Oi Meu Amigo!
Nossa como é complicado isso de viver só no meio da multidão... é um sentimento dolorido mas fazer o que né?
Um grande abço!

Renato disse...

Oi Emmanuel!
Gostou desse termo? rsrsrsrsrsrsrsr
Obrigado por vir até aqui.
Um grande abço!

Renato disse...

Oi Luiza que bom que vc voltou!
Adorei a sua intrepretação do texto num imaginava que poderia caminhar nesse sentido, mas é isso que nos dá prazer em escrever pois podemos ver em nossas palavras os diferentes significados.
Obrigado querida!
Um bjão!

Valdemir Reis disse...

Amigo Renato estou visitando, parabéns pelo belissimo trabalho, excelente. Quem segue acompanhado de um amigo vai mais longe, muito além...
Compartilho o texto a seguir
“A amizade é assim:
É sentir o carinho,
É ouvir o chamado.
É saber o momento
de ficar calado.
Amizade é somar
alegrias, dividir tristeza.
É respeitar o espaço,
silenciar o segredo.
È a certeza
da mão estendida.
A cumplicidade que
não se explica,
Apenas vive!”
Olavio Roberto
Grato de coração por sua atenção e gentileza. Deixo votos de um fim de semana repleto de muitas alegrias, muitas bênçãos e que reine a paz, saúde e proteção, brilhe sempre! Fique com Deus. Encontrar-nos-emos sempre por aqui. Felicidades.
Valdemir Reis

Renato disse...

Ola´Valdemir!
Sinto-me imensamente grato pela sua visita e pelos elogios. Agradeço de coração!
Obrigado tbm pelo belissimo poema, me emocionou muito.
Com certeza nos encnotraremos por aqui sim.
Mais uma vez muito obrigado.
Um grande abço e uma excelente semana!